Blog HCC Hotels

51ª Semana Internacional da Vela em Ilhabela

Um veleiro navegando na água com o sol brilhando intensamente acima.

Se você gosta de esportes aquáticos, já deve conhecer ou ter ouvido falar sobre barco a vela, não é mesmo? Praticada no mar em barcos que só se movem com o vento, ou seja, sem motor, velejar traz liberdade ao estar em contato com a natureza e explorar novos lugares ao ar livre — e com a Semana da Vela de Ilhabela não é diferente!

Organizada pelo Yacht Club de Ilhabela (YCI), a Semana da Vela Ilhabela é o principal evento de sua categoria na América do Sul, e atrai para o litoral norte paulista pessoas praticantes do esporte de todo o país e também turistas que querem acompanhar a competição. 

Neste artigo, vamos explorar os principais atrativos da Semana da Vela Ilhabela, sua programação, atividades culturais e eventos sociais que fazem parte da competição náutica. Continue a leitura!

O que são as velas?

Uma pessoa navegando em um veleiro no vasto oceano, cercada por águas azuis cristalinas e um céu sem nuvens.

A prática da vela, também chamada de Iatismo, é uma boa opção para quem busca aventura nas águas, além de ser uma experiência emocionante e desafiadora. Basicamente, as chamadas velas são pequenos barcos que possuem, em essência, as seguintes partes:

  • Casco: corpo do barco; 
  • Leme: que serve para controlar a direção; 
  • Vela principal: elas são seguradas e ajustadas por mastros, cabos e polias. Alguns barcos podem ter mais de uma vela na frente.

Na prática, para fazer o movimento da embarcação, é preciso ajustar as velas de acordo com a direção e a intensidade do vento, ao mesmo tempo em que o leme é usado para conduzir, movendo-a para a esquerda ou para a direita. Vale dizer que conhecer os princípios básicos de navegação é uma habilidade muito útil ao velejar, pois irá aproveitar melhor a força do vento ao seu favor.

Quando surgiu o esporte vela?

Embora os barcos existam há milênios, o uso desse tipo de veleiro em competições é relativamente recente, datando o século 17. Na Holanda, surgiu o “jaghtstchip”, embarcação que se tornou muito popular dentre o comércio, pequenas viagens internas, transporte de cargas e treinamento de jovens marinheiros. 

Com sua chegada aos Estados Unidos em 1844, a fundação do New York Yacht Club impulsionou ainda mais o esporte em crescimento. Já em 1907, a Federação Internacional de Vela (hoje chamada World Sailing) foi criada para administrar a atividade mundialmente.

No caso do Brasil, a vela chegou no final do século 19, trazida por descendentes de europeus. O primeiro clube dedicado ao esporte, o Iate Clube Brasileiro, foi fundado em 1906 no Rio de Janeiro, tendo a primeira competição nacional ocorrida em 1935 (Troféu Marcílio Dias). Por fim, em 2013, a Confederação Brasileira de Vela (CBVela) se tornou a nova responsável pela modalidade no país.

Leia também: O que fazer em Ilhabela: as melhores dicas

Semana Internacional de Vela de Ilhabela: origens e popularização

A equipe de um veleiro corre no oceano, mostrando grande trabalho em equipe e determinação.
Fonte: Site do município de Ilhabela

A história da Semana da Vela Ilhabela é rica e muito interessante. O evento, que hoje é um marco na cultura paulista, começou como uma pequena competição entre os habitantes locais e se transformou na principal competição da América Latina — não é à toa que a cidade recebe o título de “Capital da Vela”.

Quando a Semana da Vela em Ilhabela começou?

Realizada no litoral norte de São Paulo durante o inverno, a primeira edição do evento ocorreu em 1969, organizada pelos clubes localizados na represa do Guarapiranga, especialmente pelo Yacht Club de Santo Amaro (YCSA), em parceria com a administração do município-arquipélago.

Em 1972, o Yacht Clube de Ilhabela (YCI) organizou um grande torneio que atraiu barcos de todos os tipos e, a partir do ano seguinte, os velejadores e velejadoras começaram a competir em regatas na ilha durante uma semana no meio do ano. Já nos anos 90, o evento se profissionalizou, e até recebeu patrocínios importantes, como da Marinha do Brasil, do Comando do VIII Distrito Naval de São Paulo e da Delegacia da Capitania dos Portos de São Sebastião.

Em 2004, o evento foi reconhecido pela Federação Internacional de Vela (ISAF) e entrou oficialmente no calendário da federação. Três anos depois, em 2007, começou a ser patrocinado pela Rolex. Tanto é que, inicialmente, o evento era chamado de ‘Rolex Ilhabela Sailing Week’, porém, após uma década utilizando o nome, adotou o que atualmente conhecemos.

O impacto no cenário local ilhabelense

A Semana de Vela de Ilhabela é um ponto importante tanto para a história, quanto para a cultura local, ao colocar o município como um dos principais destinos de vela no Brasil e no mundo!

Além de atrair turistas e criar empregos na comunidade, o evento reúne campeões mundiais, pan-americanos e até velejadores e velejadoras amadores — cerca de 50 mil pessoas visitam o arquipélago durante as competições, o que ajuda a economia local a crescer.

Leia também: Passeios em Ilhabela: saiba o que não pode ficar de fora

Programação da Semana Internacional de Vela de Ilhabela

Uma paisagem serena com um oceano calmo refletindo o veleiro sob um céu azul claro.

O evento é cheio de atividades interessantes para uma experiência inesquecível! Abaixo, explicamos como funciona a programação do evento e destacamos o que você não pode perder! Confira:

Abertura

A abertura oficial do evento começa com uma reunião dos comandantes seguida de um coquetel de boas-vindas, que acontece logo após o credenciamento das embarcações e das pessoas competidoras no primeiro dia da Semana. Esse pequeno evento, que marca o início das atividades, é aberto a todos os participantes, isso garante um momento inicial de interação e preparação para a competição.

Desfile

O desfile que precede as regatas da Semana de Vela de Ilhabela é uma tradição que atrai milhares de pessoas para o Centro Histórico do município. Os veleiros e veleiras participantes do evento são apresentados ao público, que se reúne principalmente no Píer da Vila, um dos pontos turísticos mais famosos da ilha. Esse é um momento animador tanto para quem assiste quanto para as tripulações, o que proporciona uma oportunidade única de interação com os barcos, já que as regatas ocorrem no geral mais distantes da costa.

Competições

Como citamos anteriormente, uma regata, de maneira resumida, é a competição onde barcos disputam um percurso específico em diferentes modalidades. As competições da Semana de Vela de Ilhabela ocorrem todos os dias do evento e incluem as seguintes classes convidadas:

  • ORC: sigla para a “Regra Internacional de Competição Offshore”, a modalidade é aplicável a barcos de diversos tipos e tamanhos configurados para competições;
  • BRA-RGS: abreviação de “Regra Geral Simplificada”, é uma norma nacional que se destaca pela participação significativa de barcos com perfil predominante de cruzeiro;
  • Clássicos: os barcos considerados clássicos, com projetos até 1979, competem na categoria Fórmula BRA-RGS, divididos pela TMFA;
  • C 30: classe One Design é composta por veleiros de 30 pés (9,14 m) projetados pelo velejador e designer Horácio Carabelli;
  • RGS Cruiser: essa categoria consiste em veleiros de cruzeiro oceânico, sendo elegíveis aqueles que não obtiveram certificação de uma regra de handicap nos últimos 2 anos;
  • VPRS: sistema de classificação para veleiros que utiliza modelos matemáticos para estimar a resistência do casco e a eficiência das velas disponíveis.

Confraternizações

E quando o sol se põe, as festas começam. A programação noturna e confraternizações diárias pós-regatas oferecem música ao vivo, dança e as famosas canoas de cerveja, que garantem que a diversão continue mesmo depois que o último barco atracar.

Todos os anos, como já falamos, durante a Semana de Vela de Ilhabela, acontece a Race Village — um espaço montado no Centro Histórico que oferece uma programação cultural ao longo de toda a semana do evento esportivo. A Race Village já contou com shows de grandes artistas como Paralamas do Sucesso, Biquini Cavadão, Zeca Baleiro, Maria Gadú, entre outras apresentações. 

Além disso, o evento possui espaço para crianças, barracas e food trucks de comidas típicas e internacionais e, para os amantes do esporte, workshops, stands comerciais e palestras sobre o mundo da vela.

Encerramento

No último dia do evento, após a premiação da regata por equipe realizada no dia anterior, ocorrem as últimas regatas da Semana. Porém, é a cerimônia de premiação é o destaque, complementada por shows tanto no Centro histórico quanto no Yacht Club. Durante o encerramento, na Race Village, costuma-se também anunciar a data da próxima edição do evento.

Vale destacar que, além das competições, a Semana Internacional de Vela de Ilhabela segue os padrões ambientais dos principais campeonatos do mundo, o evento busca reduzir seu impacto a cada edição. Nos últimos anos, além de diminuir o uso de papel e plástico, a atração liderou ações para limpar e conservar os oceanos, principalmente para as baleias jubarte que passam pela ilha com frequência.

E se você quiser participar da 51° Semana Internacional de Vela de Ilhabela de 2024, que acontecerá de 19 a 27 de julho, ainda dá tempo! Acesse o site oficial do evento e confira a programação completa para montar o seu roteiro de viagem.

Leia também: Conheça 5 lugares para ir à noite em Ilhabela

Dicas para aproveitar ao máximo a Semana da Vela de Ilhabela

Cena noturna de pessoas entrando em um evento, céu escuro acima.
Fonte: Tamoios News

Agora que você já sabe como é a programação do evento, é hora de se preparar para aproveitar ao máximo a Semana da Vela de Ilhabela — mas já adiantamos que a ilha do litoral norte de São Paulo não é apenas um paraíso para quem curte competições de velas, também é um refúgio cheio de aventuras e passeios interessantes.

Separamos algumas dicas úteis para tornar sua experiência na cidade durante a Semana da Vela ainda melhor:

1 – Planeje com antecedência

O evento é um ímã para entusiastas de vela de todo o mundo, atraindo uma grande variedade de participantes. Por isso, nossa recomendação é que você faça suas reservas de hospedagem e transporte com bastante antecedência para garantir uma experiência sem dores de cabeça — e para uma estadia agradável, você pode contar com o Wyndham Ilhabela Casa di Sirena da HCC Hotels!

2 – Participe dos eventos

Há uma variedade de eventos que você não pode perder. Entre eles estão as confraternizações, o desfile de veleiros e shows ao vivo que complementam a experiência da Semana da Vela de Ilhabela. Além dos bares e restaurantes que a cidade oferece o ano todo.

3 – Explore a ilha

Por fim, aproveite também sua estadia na ilha para explorar suas praias e trilhas famosas. Afinal, qual a melhor oportunidade para aprender, se divertir e criar memórias duradouras em Ilhabela? E não se esqueça de trazer sua câmera!

Leia também: Praias Ilhabela: conheça as melhores da região e se encante!

Onde se hospedar em Ilhabela?

Mulher sentada em um muro à beira-mar, contemplando o mar.

Para viver ao máximo a Semana da Vela de Ilhabela, que tal se hospedar com conforto em um dos melhores hotéis da região? Em sua próxima visita, escolha o Wyndham Ilhabela Casa di Sirena da HCC Hotels!

Localizado na Praia do Veloso, ao sul da ilha, conhecida por sua natureza preservada, cachoeiras e piscinas naturais, o Casa Di Sirena se une à natureza. Mantendo o padrão de qualidade da marca internacional Wyndham, o hotel oferece serviços e acomodações de luxo. 

Com mais de 15.000m², uma piscina infinita com vista para o mar, acesso privativo à praia e quartos projetados para que você possa ouvir as ondas do mar, o Casa Di Sirena é o destino ideal para sua próxima estadia no litoral norte de São Paulo. Visite nosso site e faça sua reserva hoje mesmo!

Leia também: Abertura de temporada de baleias e golfinhos: dicas para ver os animais!